Sente dores no ombro ou cotovelo? Agende conosco - Seg à Sex - 08:00h - 19:00h

Conheça 3 exercícios para reduzir dores no ombro

Conheça 3 exercícios para reduzir dores no ombro

A dor no ombro é um sintoma ortopédico que não escolhe sexo, idade ou profissão. Todas as pessoas estão sujeitas a sofrer com ela em algum momento da vida, devido a padrões posturais na rotina de trabalho, à intensidade de treinos esportivos ou por questões anatômicas individuais.

 

Isso acontece porque o ombro é uma articulação complexa, na qual a interface entre as estruturas ósseas que se unem é mínima. Assim, o suporte articular é garantido na sua maior parte pelos ligamentos, músculos e cápsula articular.

 

Esse arranjo confere ao ombro uma enorme amplitude de movimento mas, por outro lado, também acarreta maior propensão a dores, lesões e outros problemas.

 

Por isso, quando persistente, a dor no ombro é um sintoma que não deve ser ignorado. Quando não tratado da forma correta, o problema pode evoluir para quadro mais graves como tendinite ou bursite.

 

Para controlar com a dor no ombro mais esporádica e para tratar de forma conservadora o incômodo mais persistente, alguns exercícios são uma ótima alternativa. Conheça 3 deles a seguir.

 

Abdução de ombro (elevação lateral)
A abdução de ombro, também conhecida como elevação lateral, é um movimento importante para o fortalecimento da musculatura.

 

De pé, com a coluna lombar bem encaixada e o abdômem contraído, você deve abrir e fechar os braços, acompanhando a linha lateral do corpo. A palma da mão deve ser mantida pra baixo durante o movimento.

 

Neste exercício, é preciso ter atenção para não ultrapassar a altura da linha do ombro. Esse é o limite para a realização do movimento. Você deve fazer três séries de dez repetições com cada braço.

Alongamento posterior
O alongamento é um exercício extremamente eficaz no combate à dor e deve ser feito dentro de um limite confortável. Forçar demais as estruturas musculoesqueléticas não é recomendado.

 

De pé, posicione-se de costas para o batente de uma porta. Apoie a mão no batente, voltando o braço para trás e mantendo o cotovelo bem esticado. Em seguida, faça um movimento suave no sentido contrário ao do braço, sentindo alongar a musculatura medial.

Alongamento anterior
O alongamento anterior também é feito na posição de pé; o braço que será alongado é posicionado junto ao tronco, bem acima do peitoral. Com o outro braço, você faz uma pressão no sentido do próprio corpo, sentindo alongar a parte lateral do ombro.

 

Nos dois tipos de alongamento, basta fazer três repetições em cada braço, contando 30 segundos em cada uma delas. Não se esqueça de manter a respiração durante todo o exercício, puxando o ar pelo nariz e soltando pela boca.

 

Para saber exatamente o que está causando a dor no ombro e tratar o problema de forma adequada, a orientação é uma só: procure atendimento em um centro especializado em ortopedia e traumatologia.

Últimas Notícias

Fraturas em crianças: quais os cuidados necessários?

21/08/2020

Fraturas em crianças e adolescentes evoluem de forma diferente das fraturas em adultos. Os motivos são diversos e podem incluir as características anatômicas do osso nessa faixa etária, o potencial de crescimento dos mais novos, a correção espontânea de algumas deformidades e a resposta das partes moles às lesões.

Ver mais

Causas da instabilidade no ombro

21/08/2020

Existem duas principais causas do deslocamento do ombro: as traumáticas (exemplos: acidentes automobilísticos, esportes de contato – futebol, basquete, boxe, etc.) e as atraumáticas (exemplos: frouxidão ligamentar, lesões prévias).

Ver mais

Tudo o que você precisa saber sobre a epicondilite lateral do cotovelo

21/08/2020

Você já ouviu falar em epicondilite lateral do cotovelo? Provavelmente você conhece esta condição pelo seu nome popular: cotovelo de tenista. Esta afecção é uma das causas mais comuns de dor no cotovelo mas, no que, de fato, consiste o problema?

Ver mais

Manguito rotador: conheça as lesões mais comuns e seus tratamentos

21/08/2020

O manguito rotador é uma estrutura que envolve a cabeça do úmero, parte superior do osso do braço, que se articula à escápula. O manguito rotador é formado pelos músculos supraespinal, infraespinal, subescapular e redondo menor, além dos respectivos tendões.

Ver mais

Os perigos do overtraining

21/08/2020

Praticar exercícios é uma recomendação feita por médicos de várias especialidades. prática de esportes é vista como algo benéfico para a saúde, com vários efeitos positivos, até mesmo para o humor.

Ver mais

Convênios

Bradesco Saúde
CASSEMS
Força Aérea Brasileira
FUSEX
GEAP Saúde
IMPCG
Marinha do Brasil
OMINT
Santa Casa Saúde
Saúde CAIXA
UFMS
Unimed

Horários


Segunda-Feira

Terça-Feira

Quarta-Feira

Quinta-Feira

Sexta-Feira

Sábado

Domingo

08:00h - 19:00h

08:00h - 19:00h

08:00h - 19:00h

08:00h - 19:00h

08:00h - 19:00h

Fechado

Fechado

Feito com ♥ e estratégia por Sunset Agência de Marketing - 2020

Fale Conosco!

Clique para chamar no WhatsApp