Sente dores no ombro ou cotovelo? Agende conosco - Seg à Sex - 08:00h - 19:00h

Hérnia de disco lombar

Hérnia de disco lombar

Má postura, obesidade, carregamento de peso excessivo... Essas são apenas algumas das condições que podem causar um problema cada vez mais comum para as pessoas: a hérnia de disco lombar.

 

Responsável por causar dor de leve a intensa nos pacientes e prejudicar a mobilidade, essa condição prejudica seriamente a qualidade de vida das pessoas. Além de promover o desconforto, ela pode impedir ainda que você consiga realizar as atividades do dia a dia, tornando os estudos, o trabalho e até mesmo os seus momentos de lazer menos prazerosos.

 

Para evitar que isso aconteça com você, vale a pena entender melhor o que são as hérnias, quais são os principais sintomas e quando é o momento ideal para consultar um ortopedista.

 

 

O que é hérnia de disco lombar?

 

Esta condição surge quando os discos entre as vértebras da coluna, conhecidos por serem amortecedores para as vértebras, são pressionados. Com essa pressão, eles podem mudar de forma ou até mesmo se romper, pressionando, consequentemente, as raízes dos nervos próximos ao disco vertebral. Dessa forma, surgem os primeiros sintomas da condição, como as dores, formigamentos e até mesmo dormência das pernas.

 

Geralmente, a hérnia é mais comum em idosos, devido ao envelhecimento natural do corpo humano. Porém, outras condições, como a obesidade, o carregamento excessivo de peso e o enfraquecimento da musculatura também podem originar o problema.

 

Ao identificar os primeiros sintomas, o ideal é que você procure um ortopedista de confiança. Caso a hérnia não seja tratada, ela pode trazer sérias consequências para o paciente e precisar de um tratamento com uma abordagem mais agressiva. Para evitar isso, agende sua consulta o quanto antes para ter o diagnóstico.

 

 

Quais são os sintomas da hérnia de disco lombar?

 

A dor é o primeiro e principal sintoma da hérnia de disco, podendo piorar quando o paciente tenta realizar algum tipo de movimento. Como existe a possibilidade de que a dor melhore e, então, volte de forma mais intensa depois de alguns dias, é muito importante consultar o ortopedista o mais rápido possível.

 

Os principais sintomas da hérnia de disco lombar incluem:

 

  • Dor nas costas, principalmente no final da coluna, irradiando-se para o glúteo ou pernas;
  • Sensação de dormência ou de formigamento nas pernas e/ou pés;
  • Fraqueza nas pernas ou pés;
  • Limitações na mobilidade, piorando a dor e;
  • Sensação de queimação ou formigamento nas costas ou nádegas.

 

Além disso, em casos mais severos de compressão dos nervos da pelve, o paciente corre o risco perder o controle da bexiga e do intestino.

 

Por mais que a dor intensa já seja um forte indicativo de hérnia, os exames complementares de imagem ajudam a comprovar o diagnóstico e definir o melhor plano de tratamento para cada paciente.

 

 

Quais são as principais causas da hérnia de disco lombar?

 

O envelhecimento natural do corpo humano causa um desgaste gradual dos discos da coluna lombar, sendo esta a principal causa do problema. Conforme envelhecemos, os discos se tornam menos flexíveis e mais suscetíveis ao rompimento. Da mesma forma, pessoas com a musculatura abdominal e das costas muito fracas também se enquadram no grupo de risco.

 

A obesidade e o sobrepeso também causam sobrecarga nas costas e podem ser a causa de hérnias de disco lombares. Por isso, o diagnóstico do ortopedista é imprescindível para identificar a causa.

 

Outros possíveis fatores de surgimento desta condição incluem:

  • Má postura;
  • Uso dos músculos das costas em vez da musculatura da perna e da coxa durante a musculação;
  • Lesões e fraturas nas costas;
  • Torcer ou giras as costas de forma muito brusca;
  • Traumas na coluna e;
  • Tabagismo.

 

 

A hérnia de disco lombar tem cura?

 

Felizmente, a resposta é sim! Dependendo de cada caso, o tratamento pode variar entre o uso de medicamentos, a fisioterapia ou até mesmo a realização de uma cirurgia.

 

Os medicamentos mais indicados são os anti-inflamatórios, como ibuprofeno ou naproxeno. Porém, é importante que você não use nenhum remédio sem a prescrição médica para não agravar a situação.

 

Em conjunto, a fisioterapia pode aliviar os sintomas da hérnia de disco lombar e acelerar a recuperação da mobilidade. Os exercícios devem ser feitos diariamente ou, no mínimo, 3 vezes por semana, seguindo um programa de tratamento específico para cada paciente.

 

Em contrapartida, casos mais severos podem receber a indicação de uma cirurgia realizada pelo ortopedista. O procedimento pode envolver o uso de laser para remover a parte saliente do disco lombar ou precisar da remoção completa do disco, unindo as vértebras por meio de um enxerto ósseo. A abordagem vai depender do diagnóstico do ortopedista.

 

Com tantas opções de tratamento, não há dúvidas de que procurar o médico o quanto antes pode acelerar a sua recuperação e garantir que você vai ganhar toda a sua qualidade de vida de volta. Quer saber mais sobre como podemos ajudar? Então não perca mais tempo e agende sua consulta com o melhor ortopedista da região agora mesmo!

(67) 99931-0077

kauegimenes6600@gmail.com

End. Rua Alagoas , 396, sala 902 , Edifício Atrium Corporate
Jardim dos Estados, Campo Grande - MS

Convênios Ortopédicos

Convênio Bradesco Saúde
Convênio CASSEMS
Convênio Força Aérea Brasileira
Convênio FUSEX
Convênio GEAP Saúde
Convênio IMPCG
Convênio Marinha do Brasil
Convênio OMINT
Convênio Santa Casa Saúde
Convênio Saúde CAIXA
Convênio UFMS
Convênio Unimed

Horários


Segunda-Feira

Terça-Feira

Quarta-Feira

Quinta-Feira

Sexta-Feira

Sábado

Domingo

08:00h - 19:00h

08:00h - 19:00h

08:00h - 19:00h

08:00h - 19:00h

08:00h - 19:00h

Fechado

Fechado

Endereço Clínica Dr. Kaue Gimenes Ortopedista
Feito com ♥ e estratégia por Sunset Agência de Marketing - 2020

Fale Conosco!

Clique para chamar no WhatsApp